sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Futebol Feminino

A Inglaterra e a Escócia realizaram a primeira partida disputada entre mulheres em 1898. A primeira partida de futebol feminino no Brasil ocorreu em 1921, entre as senhoritas tremembenses X as senhoritas catarinenses. O primeiro time feminino do país foi o Araguari Atlético Clube, em Minas Gerais e iniciou as atividades em dezembro de 1958.

A prática do futebol feminino sempre teve muitas dificuldades no Brasil. Chegou até a ser exibido em circos como atrações curiosas. Existem várias questões que explicam o preconceito e os aspectos culturais de uma sociedade são fundamentais para o número pequeno de escolinhas focadas no futebol feminino. As crianças aprendem que homem realiza o trabalho e a mulher fica em casa cuidando da família. Isso ocorre em vários países e as mulheres ainda são oprimidas e desrespeitadas.





As mulheres que decidem seguir essa carreira sofrem com a falta de incentivo e o preconceito de uma cultura machista. É um esporte considerado amador, mas é preciso ter vocação. Em sua maioria, as jogadoras não são registradas em nenhuma federação esportiva ou junto à CBF. Por causa disso, nem todas as atletas recebem salário ou ajuda de custo de seus clubes, e muitas ganham menos que um salário mínimo. A falta de patrocínio e divulgação são as maiores barreiras enfrentadas no Brasil para a prática do futebol feminino.

Um fato que comprova essa barreira entre os gêneros é o Decreto-Lei 3.199, de 1941, que ficou vigente até 1975, quando ainda era proibida a prática de futebol para as mulheres. Já em 1964, o Conselho Nacional de Desportos(CND) proibiu o futebol feminino de ser praticado e essa decisão somente foi anulada em 1981, mas elas não poderiam se profissionalizar.

Em 1996, o futebol feminino foi incluído na lista dos esportes olímpicos e o Brasil conquistou o 4° lugar, o que ajudou a impulsionar o esporte no país. A Seleção Brasileira vem conquistando mais espaço e prestígio e isso atrai meninas que desejam seguir a carreira no futebol. Alcançaram o 4° lugar nas Olimpíadas de Atlanta e Sidney e foram medalhas de prata nas olimpíadas de Atenas e Pequim. Em 2007, a seleção feminina conquistou a medalha de ouro, no Brasil, nos Jogos Pan-americanos, disputado no Rio de Janeiro, sendo que já haviam conquistado o ouro na final do Pan de Santo Domingo.

A presença feminina no futebol ainda busca uma afirmação no país do futebol. A maior dificuldade é tentar driblar o machismo, que é tão predominante na cultura brasileira. Em 2007, foi criada a Copa do Brasil de Futebol Feminina, que busca difundir o esporte no país e atrair novos talentos.

Uma das melhores jogadoras do Brasil, Cristiane, que nasceu em Osasco-SP e desde criança gostava de jogar futebol na rua de sua casa e, aos 15 anos, foi convocada pela primeira vez para a seleção brasileira. Ela foi a jogadora que marcou o gol que garantiu a medalha nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo. Hoje, a atacante é uma das peças chaves da seleção e foi eleita a segunda melhor jogadora do mundo, perdendo apenas para a compatriota Marta.

A melhor representante do futebol feminino nacional é a jogadora Marta, que foi considerada a melhor do mundo pela FIFA por 5 anos seguidos. Nascida em Dois Riachos-AL, mudou-se para o Rio de Janeiro com 14 anos em busca de um sonho. Jogou pelo Umea IK, na Suécia, onde obteve médias de gols impressionantes e foi eleita artilheira por quatro anos e melhor atacante em 2007 e 2008. Marta é a primeira mulher a jogar uma partida internacional de futebol masculino e foi eleita pela ONU, embaixadora da Boa Vontade. Sua trajetória é uma inspiração para futuras jogadoras.


sexta-feira, 17 de junho de 2016

Um pouco da História do futebol brasileiro


Origem do futebol no Brasil


Charles Miller, um brasileiro que estudava na Inglaterra e lá teve contato com o futebol e, em 1894, trouxe uma bola e um conjunto de regras para o Brasil. A primeira partida de futebol no Brasil foi realizada em São Paulo, no dia 14 de abril de 1895. As equipes participantes eram o São Paulo Railway e a Companhia de Gás e eram formadas por ingleses que viviam na capital paulista. O primeiro time contava com a participação de Charles Miller, considerado o pai do futebol brasileiro, pois trouxe as duas primeiras bolas de futebol para o país em 9 de junho de 1894. A partida foi vencida pelo primeiro time por 4x2.

Em 1901, foi criada a Liga Paulista de Futebol, que realizou posteriormente o primeiro Campeonato Paulista. O time de Charles Miller era uma sensação e foi tricampeão paulista. Os clubes que surgiam estavam se organizando e, até 1919, quase todos os estados brasileiros já possuíam um campeonato regional e sua federação. Em 1914, foi criada a Confederação Brasileira de Desportos (CDB), que administrava outros esportes além do futebol.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) foi criada em 1979, após a dissolução da CDB. É a entidade que administra o futebol brasileiro e possui 27 federações estaduais vinculadas. Sua sede é no Rio de Janeiro e organiza os principais campeonatos nacionais. O dia do futebol é comemorado no dia 19 de julho.

Devido à simplicidade do futebol e suas poucas regras, ele se popularizou rapidamente no Brasil. Para a realização de uma partida, é necessário apenas uma bola e um local para praticar. É um esporte imprevisível e os brasileiros buscam essa emoção da partida constantemente. O futebol proporciona uma maneira de expressar a forma brasileira de ver os esportes e se diferencia dos outros países. O futebol traz para o brasileiro um sentimento de nacionalismo e união, que só esse esporte proporciona e é capaz de unir multidões por um só propósito.




Campeonato Brasileiro

O primeiro campeonato brasileiro ocorreu em 7 de agosto de 1971 e teve como campeão o Atlético Mineiro. A ideia surgiu da Confederação Brasileira de Desportos, atual Confederação Brasileira de Futebol.

O brasileirão, como a competição é conhecida, já contou com vários tipos de regulamentos e sempre teve seus jogos envolvidos em desorganização e escândalos. O principal torneio do Brasil foi criado no lugar dos torneios Robertão e a Taça Brasil para definir a classificação dos representantes brasileiros em torneios sul-americanos.

Um dos maiores problemas iniciais do campeonato foi a falta de padronização dos jogos, pois as regras eram alteradas anualmente, o que prejudicava não só os clubes como torcedores e jogadores. Atualmente, o campeonato segue o Estatuto do Torcedor que estabelece que a competição deve ter o mesmo regulamento por três anos consecutivos.

A série A é disputada por 20 times em sistema de turno e returno, sendo que o clube que somar mais pontos no decorrer do campeonato é sagrado campeão, os quatro últimos caem para a segunda divisão e as demais classificações são garantia de vagas nos campeonatos sul-americanos e nacionais(Libertadores, Copa Sul-Americana e Copa do Brasil).

Esse modelo de competição foi implantado em 2003 e no começo foi recebido com receio pelos times, mas atualmente se tornou uma unanimidade eles, pois essa fórmula trouxe emoção e transformou o campeonato brasileiro em um dos campeonatos nacionais mais competitivos do mundo.

A série B é disputada por 20 equipes no modelo turno e returno e os quatro últimos colocados descem para a série C, que tem a participação de 20 clubes e não é disputado no formato de pontos corridos. A série D foi criada em 2009 e conta com a participação de 40 clubes indicados pelos campeonatos estaduais.
Copa do Brasil

Em 1989, foi criada a Copa do Brasil, competição em formato eliminatório, que conta com 64 equipes provenientes de campeonatos estaduais ou torneios e também do ranking da entidade, com cada estado, tendo pelo menos um representante. O campeão da Copa do Brasil se classifica para a Copa Libertadores.

Campeonatos Estaduais

Quando o campeonato brasileiro termina, o país fica cinco meses sem realizar sua principal competição. Os times passam por um período de férias e preparação e tem início os campeonatos estaduais. Eles acontecem em todos os estados e possuem características e regulamentos distintos. Os principais campeonatos estaduais do país são: campeonato paulista, campeonato carioca, campeonato gaúcho e campeonato mineiro.

Copa Brasil de Futebol Feminino

Criada em 2007, não conseguiu aumentar o sucesso do futebol feminino no Brasil apesar de ter o incentivo do Ministério do Esporte. Principalmente pela falta de qualidade técnica dos times e à falta de mais incentivo.

Para você que tem interesse em adquirir excelentes relíquias (camisas de futebol), acesse nosso site:

www.sportsretro.com.br

e a nossa pagina: www.facebook.com/sportsretro1986



domingo, 27 de outubro de 2013

Reflexões

E quando acordamos em um mundo estranho e desconhecido onde as pessoas parecem se sentir a vontade e você como se fosse parte da família, mas,  estranhamente tudo é incomodo e fora do comum para você.
Naturalmente como ser humano você tenta se adaptar, tenta aceitar, mas algo sempre está errado, fora do lugar e vida vai ficando cansativa, sem graça e por comodidade você se sacrifica e aceita um mundo que não é o seu, as viagens ao passado se tornam cada vez mais constante e as perguntas sem respostas afloram da mente. O que buscamos para nossa vida? Qual o nosso proposito? Seria possível alcançar a felicidade plena?

sábado, 28 de setembro de 2013

Só depende de Você

Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo. Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus. Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma. Tudo depende só de mim.
Charles Chaplin

sábado, 13 de abril de 2013

Viagens

As vezes paro e fico refletindo sobre a existência  visualizando meu futuro, e quando percebo, meu passado me vem a cabeça. São lembranças boas tão perfeitas que questiono a sua veracidade, e em questão de segundos mergulho em profunda saudades, e a vontade de viver tudo de novo é tão grande que não valorizo o meu presente.
Foi essa  a melhor fase da minha vida? 
Seria eu capaz de superar o meu passado e viver com intensidade o meu futuro?
Não sei, apenas vivo cada dia seguindo o script que a vida escreveu para mim......Sou louco?
Só sei que nesse mundo de loucos, meus olhos estão abertos, me fazendo enxergar toda essa realidade sórdida e injusta.

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Lembranças......


Candeia ou candieiro, quem não tinha energia elétrica se virava como podia, umas das formas era a lamparina a querosene ou óleo diesel, o sono era muito bom nesse tempo.

sábado, 22 de outubro de 2011

O Tempo

Morava em uma cidade pequena e pacata onde tempo parava e as horas, há as horas, pareciam durar uma eternidade, meus pensamentos pareciam me enlouquecer, idéias viam a todo instante e cada momento pensava em como dar um norte para meu destino.
sai de lá, vivi, sonhei, corri atrás e tempo?
O tempo agora passa, passa tão depressa que não tenho tempo de pensar, de amar, de viver. Constituir família, criei novos laços afetivos, adquiri conhecimento, mas sabe o que quero?
quero minha vida, meus pensamentos, quero minha pequena e pacata cidade, quero que tempo pare e assim eu pense, pense, e viva intensamente cada segundo...............